Ir para o conteúdo

Aprenda sobre a BD

A missão da Base dos Dados é universalizar o uso de dados de qualidade no Brasil. Para isso, criamos uma ferramenta que te permite acessar recursos importantes de diversos conjuntos de dados públicos, como:

  • Tabelas tratadas BD+: Tabelas completas, já tratadas e prontas para análise, disponíveis no nosso datalake público.

  • Links externos: Links com informações úteis para explorar mais sobre o conjunto de dados, como a fonte original e outros.

Temos um time de Dados e voluntários(as) de todo o Brasil que ajudam a limpar e manter as tabelas tratadas BD+. Saiba como fazer parte

Acessando tabelas tratadas BD+

No nosso site você encontra a lista de todas as tabelas tratadas de cada conjunto de dados. Aprensentamos também informações importantes de todas as tabelas, como a lista de colunas, cobertura temporal, periodicidade, entre outras informações. Você pode consultar os dados das tabelas via:

Download

Você pode baixar o arquivo CSV completo da tabela direto no site. Este tipo de Consulta não está disponível para arquivos grandes.

BigQuery (SQL)

O BigQuery é o um serviço de banco de dados em nuvem da Google. Direto do navegador, você pode fazer consultas às tabelas tratadas com:

  • Rapidez: Mesmo queries muito longas demoram apenas minutos para serem processadas.

  • Escala: O BigQuery escala magicamente para hexabytes se necessário.

  • Economia: Todo usuário possui 1 TB gratuito por mês para consulta aos dados.

Aprenda

Pacotes

Os pacotes da Base dos Dados permitem o acesso ao datalake público direto do seu computador ou ambiente de desenvolvimento. Outra forma de acessar os recursos da BD é diretamente pelos endpoints, conforme documentado em BD Open API. Os pacotes atualmente disponíveis são:

  • CLI (Terminal)
  • Python
  • R

Aprenda

Dicas para melhor uso dos dados

Nosso time de dados trabalha constantemente em desenvolver melhores padrões e metodologias para facilitar o processo de análise de dados. Separamos alguns materiais úteis para você entender melhor o que fazemos e como tirar o melhor proveito dos dados:

Voltar ao topo